palavra-chave-halya-universo-retro

A gente vem falando muito sobre produzir conteúdo e como ele tem se tornado um grande ponto de atenção após definir seu produto ou serviço. Mas e quando a fórmula é contrária: o seu conteúdo é que te faz gerar produtos e serviços?

Foi o que aconteceu com o Universo Retrô, site de conteúdo nichado para cultura, entretenimento e lifestyle vintage, que está sob o comando da publicitária Daise Alves, e da jornalista Mirella Fonzar – com quem conversamos. 

O início de tudo

Para melhor entendimento, o Universo Retrô é o primeiro e maior portal de notícias do segmento no Brasil. Foi lançado em julho de 2015, idealizado pelas sócias que até então não se conheciam. Mirella era uma das fundadoras do extinto Be Style e Daise era autora do blog Mente Flutuante Retrô, ainda em atividade. Uma admirava o trabalho da outra, e a internet permitiu que o encontro se tornasse algo maior. 

“Com o fim do Be Style, que era focado em cultura pop, minha ideia era condensar o que havia aprendido ali em algo que tivesse a ver com meus gostos pessoais, ou seja, algo voltado ao retrô. Queria montar um site que abordasse de tudo um pouco relacionado ao passado, e coincidentemente, a Daise trouxe até mim uma ideia muito parecida. Muitos Google Docs depois, o projeto nasceu”, comenta Mirella.

Porém, nem tudo são flores. A trajetória de Mirella antes do Universo Retrô envolve outros projetos muito bacanas, mas que passaram por problemas. E saber quem vai dividir com você as responsabilidades de um bom conteúdo é o primeiro ponto que a jornalista levanta para ajudar aqueles que querem embarcar nesse mundo. “Já passei por duas experiências de sociedade. Uma começou com 7 sócios. Resultado? Um por um abandonou o barco e sobrou apenas eu pra contar a história”, brinca.

Segundo ela, muitas pessoas envolvidas ajudam na elaboração dos projetos, mas dificultam as tomadas de decisão essenciais, como o destino do lucro, a demora de receber valores mais significativos (já que são muitas partes para dividir) e até a agenda. “Ter apenas duas cabeças para tomar decisões, ao meu ver, é o melhor a fazer. Eu e a Daise nos entendemos muito bem. Minha dica é encontrar um parceiro com quem você tenha sintonia em primeiro lugar, e que não tenha medo de colocar a mão na massa com você, afinal, conteúdo é produção!”

Retrô power

O tímido projeto entre duas amigas virtuais se tornou uma fonte de inspiração diária para milhares de leitoras e até parceiro da MTV. Mas como isso aconteceu? Como um conteúdo nichado e de alta qualidade foi suficiente para abrir tantas novas portas? A resposta está na própria dedicação ao assunto, que Mirella mostra conhecer profundamente:

“Nunca tivemos uma geração tão nostálgica como temos hoje. O passado está cada vez mais presente e todos os dias nos deparamos com uma ‘velha novidade’ sendo relançada no mundo da moda, música e afins. As costumeiras frases ‘saudades do que não vivi’ ou ‘nasci na época errada’ são cada vez mais frequentes.

Muitos enxergam no passado a idealização de tempos melhores para se viver. A internet se tornou parte deste fenômeno, que também alcança a indústria cultural, já que através dela, conseguimos informações e materiais antigos, além de nos juntarmos a grupos de gostos similares, como o próprio Universo Retrô promove. 

Dessa forma, passamos a gerar conteúdo e reportagens diversas sobre as décadas de ouro do passado. De 1029 a 1990, passando especialmente pelos saudosos anos 50, com todo o charme que revolucionou o século 20 e que, particularmente, amamos. Além disso, suprimos lacunas de subculturas nostálgicas, que buscam fonte de informação confiável e de qualidade.”

Segundo a co-fundadora do site, esse aprofundamento nas subpautas é fundamental, mas não necessariamente uma dificuldade. “O público de um conteúdo nichado é mais restrito e seletivo que um público de massa, então é preciso ter matérias mais completas, mais embasadas”, justifica.

Indo além

E, seguindo a unanimidade do Palavra-Chave, organização também vem à tona: “temos pautas programadas, com cronograma (a Daise é a rainha do Excel!) e também conteúdo espontâneo. Por exemplo: aproveitamos um assunto que está em alta pra dar uma abordagem que tenha a ver com o site. Mas até para isso, a gente se organiza com uma redatora que fica responsável pelos conteúdos quentes.”

Outra dica essencial é ficar de olho nos resultados: “analisamos dados de audiência do site e das redes sociais mensalmente, e estamos sempre atentas às conversões dos projetos especiais. Temos metas anuais e, mesmo que não seja possível concretizar tudo, é importante estar olhando tudo isso de perto. E feedbacks são super importantes. Recebemos mensagens de nosso público desde que lançamos o portal, em 2015. Desde leitores que amam o conteúdo, frequentadores de eventos que fazemos, modelos que sonham em ser Pin-Up, até alunos e especialistas que nos procuram para projetos acadêmicos ou documentários por exemplo. Isso ajuda a dar diretriz para novas possibilidades”, revela Mirella.

O Universo Retrô conquistou tanto respeito, que passou a ser procurado para muitas outras coisas após as próprias fundadoras terem dado ao conteúdo novas formas de exposição:

“Nossos eventos nunca são apenas eventos. A gente alia conteúdo específico, temática especial, usando aquilo para movimentar o site e gerar uma experiência incrível para quem frequenta. Desde que começamos com esses eventos próprios, que afinal também são uma forma de expor nosso conteúdo, percebemos um engajamento maior com nossas ações, especialmente do cenário feminino retrô (as Pin-Ups). Elas frequentavam nossos eventos, faziam amizades e levavam mais gente, aumentando nossa comunidade. E hoje recebemos pedidos para serem nossas Pin-Up do mês e promover outros eventos, produções e afins. Uma coisa puxando a outra.  É bem gratificante.”

Com a palavra-chave, Mirella Fonzar:

21167859_1452466198202255_3971759617121643419_o

Jornalista formada pelo Mackenzie, atua na área há 14 anos. Foi editora do antigo portal ONNE (MSN – Estilo de Vida), fundadora do extinto portal Be Style e desde 2012 empreende no mercado de jornalismo cultural online. Há cerca de 4 anos fundou o site Universo Retrô, o maior portal destinado à cultura vintage e retrô do Brasil. 

Site:  www.universoretro.com.br
Instagram:  @siteuniversoretroFacebook: Universo Retrô

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s